PESQUISA INOVATIVA EM PEQUENAS EMPRESAS (PIPE)

Print Friendly

Sensor brasileiro vai para o espaço

ED. 72 | FEVEREIRO 2002

 

Está previsto para março o lançamento do satélite Aqua, da Agência Espacial Norte-Americana (Nasa), que levará a bordo o sensor de umidade brasileiro HSB (Humidity Sounder for Brazil), produzido pela empresa Equatorial Sistemas, de São José dos Campos, em parceria com a Matra Marconi Space, da Inglaterra. O HSB é fruto de um acordo de cooperação entre a Agência Espacial Brasileira (AEB) e a Nasa.

Segundo César Guizonni, diretor da Equatorial, o sensor será usado para medir a radiação da atmosfera de forma a obter perfis de umidade que serão empregados na previsão do tempo. “Ele irá melhorar muito os modelos de previsão meteorológica”, afirma Guizonni. A Equatorial foi contratada pelo Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) para desenvolver os módulos de eletrônica, alguns aparelhos de suporte e os equipamentos de teste do sensor. O valor do contrato foi de US$ 2 milhões. O Brasil terá acesso aos dados do Aqua por meio de uma estação de recepção em Cuiabá, no Mato Grosso.


Matérias relacionadas

VALDIR GUIMARÃES
Colisão de estrelas de nêutrons libera elementos químicos
KELLY KOTLINSKI VERDADE
Programa incentiva participação de mulheres na área de exatas
RENATO LADA GUERREIRO
Como ocorreu a formação da região conhecida como Nhecolândia