PESQUISA INOVATIVA EM PEQUENAS EMPRESAS (PIPE)

Print Friendly

Satélite Aqua leva sensor brasileiro

ED. 76 | JUNHO 2002

 

O satélite Aqua foi lançado no dia 4 de maio da Base Aérea de Vandenberg, na Califórnia, Estados Unidos. A bordo, leva o sensor HSB (Humidity Sounder for Brazil ou Sensor de Umidade para o Brasil), que faz parte de um avançado sistema operacional de sondagem, constituído por outros cinco instrumentos científicos, quatro norte-americanos e um japonês. Produzido pela Equatorial Sistemas, empresa de São José dos Campos, em parceria com a Matra Marconi Space, da Inglaterra, o HSB resulta de um acordo de cooperação entre a Agência Espacial Brasileira (AEB) e a Nasa, agência espacial norte-americana. O Aqua vai coletar dados sobre chuvas, evaporação e o ciclo da água.

Durante sua missão de seis meses, vai recolher informações sobre mudanças de circulação nos oceanos e o modo pelo qual as nuvem e os processos na superfície da água afetam o clima. O satélite integra o Sistema de Observação da Terra (Earth Observing System), programa da Nasa montado com o objetivo de entender as mudanças climáticas e o ambiente natural do planeta. Esse programa, que reúne instituições de pesquisa e agências espaciais da América do Sul e do Norte, Europa, Ásia e Austrália, consiste de três satélites: o primeiro, Terra, entrou em órbita em 1999, e o terceiro, Aura, ainda será lançado.


Matérias relacionadas

BIOLUMINESCÊNCIA
Processo químico da bioluminescência de fungos é reciclável e flexível
GENÉTICA
Estudo mostra por que o olfato varia ao longo da vida
POLÍTICAS PÚBLICAS
Marcha da Ciência se espalha pelo mundo com pautas locais