TECNOCIÊNCIA

Print Friendly

Cura para o botulismo bovino

Edição 80 - Outubro de 2002

Print this pageEmail this to someoneTweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookShare on LinkedIn

 

O botulismo bovino, doença que se caracteriza pela paralisia progressiva que pode levar o animal à morte, agora tem cura. O tratamento pode ser feito com o Botulin C-D, em dose única, fruto de cinco anos de pesquisas realizadas pela Embrapa Gado de Corte, de Campo Grande (MS), e do Laboratórios Vencofarma do Brasil. Antes dessa descoberta, só havia no mercado vacinas preventivas.

A doença, causada pela toxina da bactéria Clostridium botulinum, acomete principalmente as vacas em gestação ou em lactação, que necessitam de alimentação mais rica. Esse desequilíbrio alimentar faz com que o animal passe a ingerir carcaças de animais mortos e, com isso, a toxina presente no material orgânico em decomposição. “Surtos no Mato Grosso do Sul, Goiás e Tocantins mataram 600 mil matrizes em um ano”, conta Pedro Paulo Pires, coordenador da pesquisa.

Print this pageEmail this to someoneTweet about this on TwitterShare on Google+Share on FacebookShare on LinkedIn