SCIELO

Print Friendly

Proteção ambiental

ED. 135 | MAIO 2007

 

A fabricação de material produzido pelo homem é sempre uma maneira de intervir na natureza. No entanto a pesquisa Ecomateriais: desenvolvimento e aplicação de materiais porosos funcionais para proteção ambiental mostra que a intervenção humana pode ser mais inteligente, garantindo a preservação dos recursos naturais e tentando reparar os problemas já causados. O trabalho dos químicos Odair Pastor Ferreira e Oswaldo Luiz Alves, do Instituto de Química, da Universidade Estadual de Campinas, e de Jeremias de Souza Macedo, Iara de Fátima Gimenez e Ledjane Silva Barreto, do Departamento de Química, da Universidade Federal de Sergipe, analisa os testes realizados com alguns materiais porosos. Dentre eles é estudada a modificação da superfície de um vidro poroso capaz de detectar gases poluentes; o uso de biomassa a partir da casca de coco para a preparação de carbono ativado com características programáveis; a preparação de uma argila adequada para a remoção de corantes e sua posterior reciclagem. “Existem razões objetivas não só para a realização dessas pesquisas, como também para seu incremento, como um dos elementos contributivos para a complexa equação do desenvolvimento sustentável”, avaliam os químicos.

Química Nova – vol. 30 – nº 2 – São Paulo – mar./abr. 2007


Matérias relacionadas

Especial IAC 130 anos
ASTROFÍSICA
A provável origem dos raios cósmicos ultraenergéticos
Folheie a edição 259