Imprimir PDF

Fotolab

Cachoeiras de sangue

BENJAMIN URMSTONA existência de uma peculiar comunidade de bactérias que vive sob a geleira Taylor, nos Vales Secos de McMurdo, na Antártida, é a explicação para o efeito das Cachoeiras de Sangue (Blood Falls, em inglês), o escoamento de água tingida de vermelho que brota do glaciar e se derrama sobre a superfície de um lago. O grupo de pesquisadores liderado por Jill Mikucki, da Universidade Harvard, descobriu os microrganismos, cuja dieta se limita a compostos de ferro e enxofre, ao estudar o fluxo da água tingida. As bactérias encontradas evoluíram em completo isolamento e sem oxigênio. Elas usam compostos de enxofre para ajudá-las a “respirar” ferro, num truque metabólico. O resultado é que a água é tão rica em ferro que, em contato com o ar, oxida instantaneamente.