FOTOLAB

Print Friendly

O laser de Hórus

ED. 238 | DEZEMBRO 2015

 

Fotolab_horusfapesp1O espalhamento da luz em diferentes tipos de filmes formados pela mistura de água e detergente pode produzir padrões ópticos singulares. Manipulando uma ponteira que emite um laser azul, os físicos Adriana e Alberto Tufaile controlaram o ângulo de incidência da luz sobre pontos distintos de bolhas de sabão e conseguiram sobrepor duas figuras: um conjunto de anéis concêntricos no interior de um halo, denominado tecnicamente círculo parélico. O centro da imagem final lembra o olho de Hórus, um símbolo do antigo Egito que significava poder e proteção. O processo de formação do padrão óptico é explicado pelos pesquisadores em artigo publicado em outubro no site do periódico Physics Letters A.

Imagem enviada por Adriana e Alberto Tufaile, professores da Escola de Artes, Ciências e Humanidades (EACH) da Universidade de São Paulo (USP)

Se você tiver uma imagem relacionada à sua pesquisa, envie para imagempesquisa@fapesp.br, com resolução de 300 dpi (15 cm de largura) ou com no mínimo 5 MB. Seu trabalho poderá ser selecionado pela revista.


Matérias relacionadas

BIODIVERSIDADE
Pequenas variações genéticas alteram cor das penas de aves
ZIKA
Análise indica que vírus provavelmente entrou no Brasil em 2014
Folheie a edição 255