CARREIRAS

Print Friendly

Série de podcasts orienta sobre a vida fora da universidade

RODRIGO DE OLIVEIRA ANDRADE | ED. 261 | NOVEMBRO 2017

 

Todos os anos, pesquisadores decidem deixar a universidade, seja porque descobriram não mais sentir prazer pelo que fazem ou se deixaram levar por novos interesses e aspirações profissionais. A perspectiva de sair do mundo acadêmico depois de anos de treinamento em pesquisa, dedicação profissional e sacrifícios pessoais costuma ser assustadora. Com o objetivo de orientar pesquisadores em diferentes estágios de desenvolvimento profissional que não têm certeza se estão tomando a decisão correta, um grupo de amigos formado pela bioquímica Amanda Welch, o botânico Ian Street, ambos norte-americanos, e a psicóloga brasileira Cleyde Helena lançou a série de podcasts Recovering academic. Os três eram pesquisadores e deixaram a academia para se dedicar a outras atividades profissionais nos Estados Unidos.

A proposta da série de podcasts, segundo eles, é discutir aspectos emocionais relacionados à transição profissional entre a universidade e o mercado de trabalho e ajudar os cientistas que saíram ou estão prestes a sair do ambiente acadêmico. Até outubro haviam sido produzidos 22 episódios com 35 minutos de duração em média. São entrevistas e depoimentos sobre como planejar a carreira fora dos laboratórios, identificar habilidades desenvolvidas durante os anos na universidade, usar as redes sociais para se projetar no mercado de trabalho, entre outros assuntos. Os podcasts estão disponíveis em inglês no endereço: bit.ly/RecAcademic.


Matérias relacionadas

PERIÓDICOS
Para obter mais citações, revistas brasileiras aumentam rigor
INFORMAÇÃO DIGITAL
Biblioteca do Congresso dos EUA revê política de arquivamento
RESENHA
Desafios da notícia – O jornalismo brasileiro ontem e hoje | Editora FGV