Imprimir

Arquitetura

Retratos do patrimônio modernista

O Conselho Municipal de Preservação do Patrimônio Histórico, Cultural e Ambiental da Cidade de São Paulo (Conpresp) aprovou o tombamento de quatro novos conjuntos de edifícios da Universidade de São Paulo (USP), localizados na Cidade Universitária. São eles: o conjunto de prédios dos departamentos de História e Geografia da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciências Humanas (FFLCH), de Engenharia Mecânica e Naval, Engenharia de Minas e de Petróleo e Engenharia Metalúrgica e de Materiais da Escola Politécnica (Poli), as piscinas e o estádio de futebol do Centro de Práticas Esportivas (Cepeusp), que foram reconhecidos como patrimônio da arquitetura modernista da cidade. Com as novas aprovações, passam a ser 20 os edifícios tombados na USP, incluindo a FAU, o Centro Universitário Maria Antônia, o Museu Paulista, a Faculdade de Direito, dentre outros. Veja, nas fotos de Eduardo Cesar, os novos edifícios tombados.