Imprimir PDF

fotolab

Torneira de luz

Patrícia Christina Marques Castilho

O conjunto formado pelo aro preto e o cubo transparente funciona como uma torneira que transmite apenas uma polarização específica de um raio de laser, explica o físico Raul Teixeira. Assim, sua equipe pode controlar a quantidade de luz que chega ao coração do experimento, onde estão átomos de estrôncio resfriados quase ao zero absoluto, uma temperatura que não existe na natureza. Entender como eles reagem à luz pode ajudar a construir novos lasers, sensores ou componentes de memória para computação quântica. O sistema também pode funcionar como uma representação de escalas muito maiores, simulando como a luz se propaga pelas nuvens gélidas dos meios interestelares.

Imagem enviada por Raul Celistrino Teixeira, professor da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar)

Sua pesquisa rende fotos bonitas? Mande para imagempesquisa@fapesp.br. Seu trabalho poderá ser publicado na revista.