Imprimir PDF

Boas práticas

Lista controversa

Setores da comunidade científica da China receberam com críticas a proposta do governo de criar uma lista de revistas acadêmicas nacionais de má qualidade. A iniciativa faz parte de uma reforma anunciada em julho para melhorar a qualidade da ciência chinesa e baseada no combate radical à má conduta na pesquisa. De acordo com o Partido Comunista e o Conselho de Estado da China, os artigos publicados nos periódicos da lista não contarão pontos em seleções para bolsas e empregos ou em processos de avaliação de agências de fomento do país. Especialistas ouvidos pela revista Nature argumentam que a divulgação de uma lista não é a melhor maneira de coibir a publicação de trabalhos de baixa qualidade. “Divulgar uma lista de periódicos recomendados seria mais eficiente para promover boas práticas de publicação em revistas científicas”, disse Yu Liping, especialista em avaliação da produção acadêmica. Em 2016, a China tentou criar uma lista nacional de revistas qualificadas, mas o Ministério da Educação do país abandonou a ideia sem conseguir entrar em acordo com a comunidade científica em relação aos critérios de seleção da lista.