Imprimir PDF

Brasil

Acesso sem entraves

O seminário de Consórcios de Bibliotecas Ítalo-Ibero-Latino-Americanas (SCBIILA), realizado na sede da FAPESP em meados de agosto, reuniu representantes da Argentina, Chile, Colômbia, Venezuela, México, Espanha e Portugal. Um dos desafios levantados no encontro foi a necessidade de democratizar o acesso às informações científicas dos acervos on-line. Segundo os participantes, trata-se de um problema que aparece, em graus variáveis, em diversos países. “As instituições envolvidas em consórcios de bibliotecas precisam ter como objetivo final a adoção de metodologias eficazes que consigam levar o conhecimento produzido pela elite intelectual ao domínio do grande público”, disse Âmbar de Barros, representante da Organização das Nações Unidas para a Educação, Ciência e Cultura (Unesco). Rosaly Krzyzanowski, coordenadora da Biblioteca Virtual do Centro de Documentação e Informação da FAPESP (BV-CDi), acredita que não basta apenas garantir o acesso às informações. Também é preciso torná-lo mais dinâmico. Ela destacou a importância dos repositórios de acesso livre, que permitem aos pesquisadores divulgar seus trabalhos ao grande público de forma gratuita.

Republicar