Imprimir PDF

Brasil

Aposta na nanotecnologia

O governo federal anunciou a destinação de R$ 71 milhões ainda em 2005 para o Programa Nacional de Nanotecnologia. Os recursos serão aplicados em projetos, na implantação de laboratórios e na criação de redes de pesquisa nos moldes das quatro que já estão em funcionamento, sob o comando do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). O anúncio foi feito pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva em visita ao Laboratório Nacional de Luz Síncrotron (LNLS), em Campinas. O laboratório receberá R$ 12 milhões do total e vai abrigar parte dos projetos. Também participam o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas, o Centro de Pesquisas Renato Archer, o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, o Laboratório Nacional de Computação Científica, 70 universidades e dezenas de empresas. O programa foi criado em 2003 com dotação mais modesta. Previa investimentos de R$ 70 milhões em quatro anos

Republicar