Imprimir PDF

Tecnociência

Microscopia em raios X

Uma nova técnica em microscopia de raios X, cuja resolução da imagem atinge a escala nanométrica, foi anunciada por cientistas do Laboratório Nacional Argonne, do governo norte-americano, e da Xradia, fabricante de microscópios de raios X. Combinando a reflexão de raios X com a alta resolução da microscopia nos mesmos raios X, os pesquisadores podem estudar interações na escala nanométrica em que os materiais são visualizados no nível atômico. O método será importante no entendimento de reações ocorridas na superfície dos materiais, como corrosão, reações catalíticas e adsorção (presos na superfície) de íons. Uma melhor compreensão dessas interações é vital para diversos campos da ciência e poderá, entre outras coisas, ajudar a curar doenças e proteger o meio ambiente. Outra descoberta significativa na área foi feita no Laboratório Nacional Lawrence Livermore, também nos Estados Unidos. Pesquisadores validaram, pela primeira vez, a idéia de usar pulsos de raios X altamente curtos e intensos para capturar imagem de objetos (como proteínas) antes que a radiação destruísse a amostra. O novo método será aplicável em imagem de resolução atômica de complexos de biomoléculas mesmo quando lasers de raios X mais potentes, em desenvolvimento, estiverem prontos.

Republicar