guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republish

Antropologia

Estudo das religiões

Tomando como ponto de partida a bibliografia produzida sobre o assunto, o artigo Religião, Ciência ou Auto-ajuda “Trajetos do Espiritismo no Brasil”, de Sandra Jacqueline Stoll, professora do Departamento de Antropologia da Universidade Federal do Paraná, apresenta as relações estabelecidas entre espiritismo e catolicismo na medida em que, segundo ela, essas religiões precisaram adotar novas linguagens como estratégia de inovação de suas doutrinas. Para a autora, o espiritismo “definiu sua identidade elegendo como sinais elementos do universo católico e isso significa que sua relação com a religião dominante no país não se resumiu simplesmente ao endosso de certas idéias ou práticas rituais”. Sandra defende que a presença do catolicismo no universo espírita brasileiro decorre da incorporação de um dos substratos fundamentais da cultura religiosa ocidental: a noção cristã de santidade. A pesquisa publicada na Revista de Antropologia se baseia em estudos de caso, numa discussão que se constitui em torno de três personagens: Chico Xavier, Waldo Vieira e Luiz Antonio Gasparetto, os quais sintetizam, por meio de seus percursos pessoais, diferentes formas de expressão da tradição espírita.

Revista de Antropologia – vol. 45 – nº 2 –  2002

Link para o artigo

Republish