guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Rússia

Rússia quer nova base espacial

O primeiro-ministro da Rússia, Vladimir Putin, anunciou investimentos de US$ 810 milhões na construção de uma nova base de lançamentos espaciais no país, em Vostochny, na região de Amur, sudeste do país. A base, programada para operar a partir de 2015, será uma alternativa à de Baikonur, no vizinho Cazaquistão, arrendada até 2050 a um custo anual de US$ 115 milhões. “Devemos proteger as posições da Rússia no mercado global dos serviços espaciais”, disse Putin, segundo a agência Reuters. A Rússia domina o setor espacial global e foi responsável por 37% dos 78 lançamentos no mundo em 2009, segundo o instituto norte-americano Space Foundation. Mas enfrenta concorrência crescente da Europa, da Ásia e dos Estados Unidos. “Precisamos ser mais competitivos e ter total independência em nossas atividades espaciais”, afirmou o premiê. A base deverá contar com sete plataformas de lançamento, incluindo duas para voos tripulados. O governo tomou a decisão de construir o cosmódromo em 2007, mas a crise internacional levou a um adiamento do projeto.

Republicar