Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

boas práticas

Revisores falsificados

A plataforma de revistas científicas em acesso aberto BioMed Central, do Reino Unido, encontrou em seu sistema editorial cerca de 50 manuscritos em que houve manipulação no processo de revisão. Segundo o blog Retraction Watch, a maioria dos artigos não foi publicada, pois foram detectados problemas numa verificação que antecede a publicação. Mas pelo menos cinco papers foram publicados. Eles estão sendo submetidos a novo processo de revisão e poderão ser cancelados.

A fraude foi possível graças a uma falha numa das etapas do fluxo de trabalho da plataforma, que permite ao autor do paper sugerir nomes de revisores – pesquisadores qualificados incumbidos de opinar sobre o manuscrito –, propor mudanças e recomendar ou não a sua publicação. Aparentemente, foram indicados e aceitos pesquisadores fictícios, cujos nomes e afiliações eram semelhantes às de pessoas de verdade, e que, por meio de endereços de e-mail também falsificados, recomendaram a publicação dos artigos. Em declaração enviada ao Retraction Watch, a direção do BioMed Central afirmou que não encontrou uma ligação entre os autores dos artigos manipulados. “Acreditamos que uma terceira parte deve estar envolvida”, disse o comunicado.

Republicar