Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Boas práticas

Transparência nos ensaios clínicos

A revista científica BMJ (sigla para British Medical Journal), uma das mais influentes da pesquisa médica, anunciou que a partir de janeiro só publicará artigos envolvendo resultados de testes clínicos de medicamentos se as indústrias farmacêuticas patrocinadoras tornarem disponíveis os dados sobre os pacientes participantes dos estudos. Num editorial publicado no final de outubro, a editora da BMJ, Fiona Godlee, convocou as demais revistas a fazer a mesma coisa e exortou as indústrias a divulgar os dados dos testes de todas as suas drogas aprovadas. “A indústria farmacêutica faz muitas coisas boas. Ela produz medicamentos que podem melhorar a saúde e salvar vidas. Infelizmente ela faz coisas ruins também. De forma persistente e sistemática ao longo de décadas, tem retido e deturpado dados de ensaios clínicos”, diz o editorial.

A BMJ elogiou o anúncio recente feito pela GlaxoSmithKline de disponibilizar os dados sobre os testes clínicos requeridos por revistas científicas e criticou a Roche, que há três anos se recusa a fazer o mesmo sobre os ensaios do antiviral Tamiflu (oseltamivir), solicitados por um grupo de pesquisa comissionado pelo governo do Reino Unido para avaliar a eficácia dos inibidores de neuraminidase, família de medicamentos a que o Tamiflu pertence.

Republicar