guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

ameaças noturnas

Eles atacam à noite

Má notícia para quem sonha com uma boa noite de sono: os percevejos estão reaparecendo. No Brasil esse problema ainda não está dimensionado, mas esses insetos de até 5 milímetros de comprimento já infestaram casas na Coreia, Alemanha, Estados Unidos, Canadá e Austrália. Sua propagação resulta do aumento das viagens internacionais, imigração e resistência a inseticidas, de acordo com um estudo coordenado por Paulo Ricardo Criado, da USP (Brazilian Journal of Infectious Diseases, fevereiro de 2011). As picadas podem causar lesões cutâneas, inflamações ou reações alérgicas. Só em casos de infestação intensa os Cimex lectularius são encontrados nas próprias pessoas.

 

Republicar