Imprimir PDF

Arte

Realidade em preto e branco

1º lugar - TV P&B, de Tadeu Vilani

Tadeu Vilani 1º lugar – TV P&B, de Tadeu VilaniTadeu Vilani

O repórter fotográfico gaúcho Tadeu Vilani ficou com o primeiro lugar do Prêmio FCW de Arte. Ele ganhou com o ensaio fotográfico intitulado TV P&B, que retrata a retirada de moradores de uma favela próxima ao aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, onde eles eram fotografados com molduras de aparelhos velhos de TV. “Captei o momento daquelas pessoas como uma manifestação inconsciente de serem vistos, na esperança de uma vida melhor para a comunidade”, disse Vilani. O ensaio Drom, o caminho cigano deu o segundo lugar para o mineiro Gui Mohallem, radicado em São Paulo. Kenji Arimura, também residente na capital paulista, levou o terceiro lugar com Índios contemporâneos. Vilani receberá R$ 114 mil e os outros dois R$ 42,8 mil. Eles foram escolhidos entre 15 finalistas de 207 inscritos. O tema foi “O Brasil e os brasileiros”. A seleção foi feita por sete jurados coordenados pelo professor Rubens Fernandes Junior, crítico de fotografia e diretor da Faculdade de Comunicação da Fundação Armando Álvares Penteado (FAAP).

Confira as fotos vencedoras nas galerias de imagens:

1º lugar: TV P&B, de Tadeu Vilani
2º lugar: Drom, o caminho cigano, de Gui Mohallem
3º lugar: Índios contemporâneos, de Kenji Arimura