guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Chuva artificial

Chuva artificial brasileira

Uma tecnologia de produção de chuvas desenvolvida pela empresa ModClima, de Bragança Paulista, no interior paulista, foi apresentada como destaque na Convenção das Nações Unidas (ONU) para o Combate à Desertificação, em fevereiro na Alemanha. O método, que vem sendo empregado desde 2001 pela Sabesp (Companhia de Saneamento Básico do Estado de São Paulo), consiste em borrifar gotículas de água com tamanho exato em nuvens com potencial de chuva, selecionadas por software, para induzir a precipitação. O processo de formação de nuvens artificiais não é novo, mas diferentemente das outras técnicas empregadas, baseadas no bombardeio de produtos químicos nas nuvens, a tecnologia brasileira utiliza apenas água potável lançada por aeronaves.

 

Republicar