Prêmio CBMM
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

Colesterol 1 Aspirina 0

A aspirina (acido acetilsalicílico) pode reduzir o risco de enfarte em mais de 30%, mas isso só vale para 75% da população. Estudo do Centro Médico da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos, mostrou que a razão pela qual ela não faz efeito nos outros 25% está ligada, provavelmente, ao colesterol alto, segundo a revista Scientific American (edição de janeiro de 2001). Doses diárias de 325 miligramas do ácido acetilsalicílico não têm efeito significativo em 60% dos que têm taxa de 220 miligramas de colesterol por decilitro de sangue ou mais. A droga funciona em 80% das pessoas com nível de 180 miligramas ou menos.

Republicar