guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Estratégias

Ernesto Parterniani (1928-2009)

Morreu em Piracicaba, aos 81 anos, Ernesto Paterniani, professor do Departamento de Genética da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP. Especialista de renome internacional na pesquisa genética do milho, teve papel de destaque na melhoria de variedades cultivadas hoje no Brasil, como a Piramex, a Pérola Piracicaba, a Piranão VD-2 e a Esalq-VD. Trabalhou como bolsista da Fundação Rockefeller no México e nos Estados Unidos. Na Esalq chefiou o setor de Melhoramento do Milho, foi diretor do Departamento de Genética e coordenou cursos de pós-graduação em genética e melhoramento de plantas. Também exerceu funções como a de membro da Comissão Técnica Nacional de Biossegurança (CTNBio). Em 1988 recebeu do CNPq uma das mais importantes premiações do país, o Prêmio Álvaro Alberto para a Ciência e Tecnologia. Em 1º de junho deste ano foi agraciado com o Prêmio Fundação Conrado Wessel (FCW) 2008 de Ciência Aplicada, por sua contribuição ao desenvolvimento agrícola e nutricional do país.

Republicar