Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Agricultura

Feijão melhorado

Caracterizar a variabilidade genética de parte do germoplasma existente em poder de produtores de feijão no Rio Grande do Sul, e de cultivares produzidas pela pesquisa, e reuni-las em grupos de similaridade genética foi o objetivo do trabalho dos pesquisadores João Baptista da Silva e Lessandra Silva Rodrigues, da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Irajá Ferreira Antunes, do Centro de Pesquisa Agropecuária de Clima Temperado da Embrapa, e Marcelo Grandi Teixeira, do Centro Nacional de Pesquisa de Agrobiologia da Embrapa. O resultado está no artigo Divergência genética entre cultivares locais e cultivares melhoradas de feijão, para o qual avaliaram a divergência genética de 37 cultivares locais (land races) e 14 cultivares indicadas pela pesquisa no Rio Grande do Sul, utilizando 40 descritores morfológicos (a grande maioria desses descritores são necessários à proteção legal). Empregou-se análise multivariada, por intermédio de componentes principais e método de agrupamento. Como resultado, as cultivares locais revelaram “variabilidade superior à encontrada nas cultivares oriundas da pesquisa, o que sugere a importância da sua inclusão em programas de melhoramento”, dizem os autores do trabalho.

Leia artigo original

Pesquisa Agropecuária Brasileira – vol. 27 – nº 9

Republicar