guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republish

Ortopedia

Furadeiras na cirurgia

MADE-IN-CHINA.COMEstima-se que há mais de 50 anos as furadeiras elétricas têm sido empregadas em cirurgias ortopédicas nos hospitais brasileiros para a perfuração óssea. Trata-­-se de equipamento elétrico, termossensível, não indicado para uso cirúrgico, não avaliado anteriormente quanto à eficácia da esterilização, suspeitando-se de risco para infecções. Esse estudo avaliou a eficácia da esterilização por óxido de etileno (ETO) de furadeiras novas intencionalmente contaminadas com esporos de Bacillus atrophaeus. Foi desenvolvida pesquisa experimental, laboratorial, randomizada e aplicada onde foram analisadas 16 furadeiras elétricas, além de controle positivo e negativo. Todos os equipamentos previamente limpos e esterilizados foram submetidos à contaminação com esporos. Em seguida, o grupo experimental foi limpo, esterilizado por ETO e aplicado o teste de esterilidade por filtração. Nas condições do desenvolvimento do experimento, a eficácia da esterilização das furadeiras por ETO foi comprovada, segundo os pesquisadores. O estudo completo está no artigo “Avaliação da eficácia da esterilização de furadeiras elétricas domésticas utilizadas em cirurgias ortopédicas”, de Vania Regina Goveia, Flavia Morais Gomes Pinto, Irene Alexeevna Machoshvili, Thereza Christina Vessoni Penna e Kazuko Uchikawa Graziano, da Universidade de São Paulo.

Brazilian Journal of Microbiology – vol. 40 – nº 3 – São Paulo – set. 2009

Link para o artigo

Republish