Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

FAPESP

Governador nomeia dirigentes da FAPESP

FOTOS EDUARDO CESAR Da dir. para esq.: Engler, Brito Cruz, Arana Varela e Ricardo BrentaniFOTOS EDUARDO CESAR

O governador de São Paulo, José Serra, nomeou no dia 22 de novembro o novo vice-presidente e os dirigentes da FAPESP para os próximos três anos. Os nomes foram escolhidos a partir de listas tríplices escolhidas pelo Conselho Superior da FAPESP. Ricardo Renzo Brentani foi nomeado diretor-presidente, em recondução a partir do término de seu mandato, em dezembro. Professor titular da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo (USP), é diretor-presidente do Hospital do Câncer A.C. Camargo e ex-coordenador do Centro Antonio Prudente para Pesquisa e Tratamento do Câncer. Digiriu o Instituto Ludwig de Pesquisa sobre o Câncer. Carlos Henrique de Brito Cruz foi nomeado para o cargo de diretor científico da FAPESP, também em recondução a partir do término de seu mandato, em abril. Professor titular no Instituto de Física Gleb Wataghin da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), foi presidente da FAPESP de 1996 a 2002 e reitor da Unicamp de 2002 a 2005. Joaquim José de Camargo Engler exercerá a função de diretor administrativo, em recondução, a partir de fevereiro, quando termina o seu atual mandato. Professor titular do Departamento de Economia, Administração e Sociologia da Escola Superior de Agricultura Luiz de Queiroz (Esalq) da USP e presidente da Comissão de Orçamento e Patrimônio da USP, Engler foi diretor da Esalq, diretor do Centro de Energia Nuclear na Agricultura (Cena) e chefe de gabinete do reitor da USP. O conselheiro José Arana Varela vai exercer a função de vice-presidente da Fundação. Professor titular do Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp), em Araraquara, Varela foi diretor da Associação Brasileira de Cerâmica, da Associação Brasileira de Metalurgia e Materiais e da Sociedade Brasileira de Materiais.

Republicar