guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Guerra vista do céu

Guerra vista do céu

Dennixo / Wikimedia commons Benghazi em foto de satéliteDennixo / Wikimedia commons

Pesquisadores e ativistas de direitos humanos estão usando imagens de satélite e sistemas de informação geográfica para documentar abusos cometidos contra a população civil pelo ditador da Líbia, Muamar Kadhafi, na repressão aos protestos de opositores. “Comparamos imagens recentes com nossos bancos de dados em busca de prédios atacados em áreas rebeldes e cemitérios”, disse à revista Nature Susan Wolfinbarger do projeto Tecnologias Geoespaciais e Direitos Humanos, da Associação Americana para o Avanço da Ciência. Um dos maiores problemas na documentação de abusos na Líbia, diz Susan, é que os observadores não têm acesso às cidades. “Mas com as imagens de satélite estamos  documentando a destruição em áreas civis.”  O acesso ao serviço Google Earth, que disponibiliza imagens de satélite em alta resolução, é uma das ferramentas que ajuda a registrar os abusos.  O mesmo expediente já foi usado em conflitos no Zimbábue, na Geórgia e em Darfur, e as imagens colhidas foram anexadas aos processos em cortes internacionais.

Republicar