Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Física

Nascimento da ciência moderna

No trabalho “A evolução do pensamento cosmológico e o nascimento da ciência moderna”, os autores Cláudio Maia Porto, da Universidade Federal Rural do Rio de Janeiro, e Maria Beatriz Dias da Silva Maia Porto, da Universidade Estadual do Rio de Janeiro, fazem uma exposição do processo de transformação que levou a ciên­cia qualitativa de Aristóteles, fundamentada em princípios filosóficos, à ciência moderna, estruturada sobre uma combinação de empirismo e matematização, processo cuja culminância se deu com a obra de Newton. Os pesquisadores apresentam como o Cosmos aristotélico-ptolomaico, rigidamente ordenado segundo critérios metafísicos, foi substituído por um novo Universo, regido por uma causalidade mecânica, expressa por meio de leis matemáticas, e completamente destituído de conceitos como finalidade e valor. Eles mostram como a revolução introduzida por Copérnico ultrapassou os limites da astronomia, dentro dos quais nasceu, e promoveu uma ampla transformação do pensamento científico que conduziu ao nascimento da física newtoniana.

Revista Brasileira de Ensino de Física – vol. 30 – nº 4 – São Paulo – out/dez. 2008

Link para artigo científico

Republicar