guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

BOAS PRÁTICAS

Novo guia para revisores

DANIEL BUENOO Committee on Publication Ethics (Cope), fórum com sede no Reino Unido que reúne editores de periódicos científicos em torno de temas ligados à ética na pesquisa, lançou no dia 25 de março um guia para auxiliar o trabalho de revisores. O documento traz princípios básicos e normas que devem ser seguidas durante o processo de revisão por pares. As recomendações vão das mais consensuais, como a necessidade de o revisor avaliar somente artigos que sejam de sua área, até as mais específicas, tal como a que não permite que a revisão seja influenciada pelas origens do manuscrito, em relação à nacionalidade, religião, posições políticas e sexo do autor do paper.

Entre as diretrizes apresentadas pelo Cope – que atualmente conta com mais de 7.600 membros de 80 países, incluindo representantes de grandes editoras, como Elsevier, Springer e Wiley-Blackwell – está a de que as publicações devem assegurar que seus revisores trabalhem de forma construtiva, respeitando a confidencialidade e evitando conflitos de interesses. O comitê também destaca a proibição de usar informações obtidas durante a revisão para benefício próprio ou de terceiros, ou como forma de desacreditar o autor do paper.

Em nota, a coordenadora do projeto, a bióloga e editora-chefe do boletim trimestral do comitê, Irene Hames, disse que embora hoje sejam publicados cerca de 1,8 milhão de artigos por ano, em aproximadamente 28 mil publicações acadêmicas, “os revisores muitas vezes não contam com um guia de boas práticas para a revisão, distanciando-os de suas obrigações éticas”.

Para cada etapa do processo o guia fixa diretrizes específicas. Por exemplo, antes de começar a revisão o pesquisador deve declarar quaisquer interesses potencialmente conflitantes ou concorrentes (pessoais, financeiros, profissionais, políticos ou religiosos) que possam interferir em seu trabalho. Caso isso ocorra, o revisor precisa avisar o editor. Uma das recomendações diz que o revisor não pode envolver subalternos durante o trabalho, incluindo pesquisadores em início de carreira, sem antes obter uma permissão do periódico.

Os nomes daqueles que ajudarem no processo devem ser incluídos na resposta ao autor, para que recebam o devido crédito. Já na etapa de preparação do relatório, a revisão deve privilegiar sugestões para que o manuscrito seja melhorado, evitando sempre comentários pessoais e acusações.

Republicar