Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Estratégias

Supercomputador chinês é o mais veloz

Tianhe-2: quase o dobro da velocidade do norte-americano Titan

IMAGINECHINA / AFPTianhe-2: quase o dobro da velocidade do norte-americano TitanIMAGINECHINA / AFP

A China reconquistou a liderança no ranking dos supercomputadores mais velozes do mundo. A última edição do ranking semestral Top500 informa que o chinês Tianhe-2, construído pela Universidade Nacional de Tecnologia de Defesa, alcançou velocidade de 33,86 petaflops – ou 33,86 quatrilhões de operações por segundo. O desempenho é quase duas vezes superior aos 17,59 petaflops do norte-americano Titan, do Laboratório Nacional Oak Ridge. É a segunda vez que a China alcança o topo do ranking, compilado desde 1993 por um grupo de pesquisadores dos Estados Unidos e da Alemanha. Em 2010, o Tianhe-1 ficou seis meses na liderança, até ser alcançado pelo supercomputador K, do Japão. Os Estados Unidos seguem dominando o ranking, com 252 dos 500 computadores mais potentes. Mas a China firmou-se no segundo lugar, com 66. O Japão, com 30, o Reino Unido, com 29, a França, com 23, e a Alemanha, com 19, completam a lista dos seis países com mais supercomputadores no ranking. O Brasil tem 3 representantes na lista. O Grifo04 e o Grifo02, da Petrobras, aparecem, respectivamente, em 122º e 219º lugar. O Tupã, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), adquirido em 2010 com recursos do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação e da FAPESP, desponta na 145ª posição.

Republicar