Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

cartas | 284

Comentários

Cérebros em movimento
O Brasil não aproveita a experiência de quem passou seis anos em um PhD completo no exterior e retorna para o país (“O impacto da circulação de cérebros”, edição 283). Em geral, desprezam seus conhecimentos. Como me disseram quando cheguei da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos: “Seu PhD vale quatro pontos em um concurso como qualquer outro feito nos piores cursos no país”.
Conce Saraiva

**
Ótimo infográfico.
Guilherme Menegon

**
O isolamento reproduz a baixa qualidade dos recursos humanos na ciência. Quanto mais isolados, mais baixo o padrão.
Flavio Ortigao

***
Arquipélago submerso
Apenas precisamos cuidar para que não destruam o meio ambiente com minerações indevidas e insustentáveis (“Revelações de um arquipélago submerso”, edição 282).
Bernadeth Prevot

***
Arquivos em repositórios
Talvez uma parte do retrocesso civilizatório que tem ocorrido no Brasil possa ser explicado pela dificuldade de acesso à produção científica (“Produção mais visível”, edição 282). Com as restrições impostas pelas revistas, a sociedade não enxerga o retorno do que investiu (compulsoriamente) em pesquisa, a mídia não dá a devida importância e aí começamos a ver cidadãos se “instruindo” em grupos de WhatsApp e na “YouTube University”. Vem tarde essa disseminação. O estrago já está feito.
Humberto Santana

***
Vídeos
Parabéns pela produção de “O direito das mulheres”. É muito bom conhecer uma figura tão importante nessa luta como Silvia Pimentel.
Gui Lopes

**
Precisamos falar mais sobre gênero e direitos nessa sociedade conservadora.
Aurei Lima

**
Poderiam ter mostrado o ovo em escala no vídeo “Aumenta o número de barbeiros na Grande SP”. Quando mostraram o exemplar do inseto nas mãos, foi legal saber a proporção do barbeiro.
Wellington Ferreira de Almeida

***
Correção
Na página 43 da reportagem “Mudança com estabilidade” (edição 283), o gráfico “Projetos” está errado. O correto é o abaixo.

***
Sua opinião é bem-vinda. As mensagens poderão ser resumidas por motivo de espaço e clareza. cartas@fapesp.br

Republicar