guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

Enfoque diferenciado no exame de HIV

Pesquisadores da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) aplicaram em recém-nascidos o chamado teste de carga viral, que pode detectar diretamente a presença do vírus HIV, causador da Aids. Trata-se de um enfoque inusitado. Para saber se um filho de uma mãe com HIV pode desenvolver a doença, normalmente se avalia a presença de anticorpos contra o vírus, não do próprio HIV – e os anticorpos não indicam necessariamente a contaminação pelo vírus. Apresentado no final de janeiro na Conferência sobre Retrovírus e Infecções Oportunistas, em San Francisco, nos Estados Unidos, o teste reduz de 18 meses para um mês a confirmação da infecção em bebês e abre a possibilidade de iniciar logo o tratamento com drogas antivirais. Os pesquisadores estimam que essa alternativa pode reduzir pela metade os custos em testes de laboratórios e medicamentos profiláticos.

Republicar