guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Avicultura

Frangos contaminados

A Salmonella enteritidis (SE) “emergiu como um grande problema avícola e de saúde pública no Brasil a partir de 1993”, afirmam Edir Nepomuceno da Silva e A. Duarte, do Departamento de Tecnologia de Alimentos da Faculdade de Engenharia de Alimentos da Universidade Estadual de Campinas (FEA/Unicamp), no artigo Salmonella Enteritidis em Aves: Retrospectiva no Brasil. Segundo os autores, levantamentos realizados em 2001 continuam a mostrar que a SE em materiais avícolas é o principal sorovar responsável pelas infecções humanas. “O uso de vacinas específicas em poedeiras e reprodutoras tem se mostrado uma ferramenta auxiliar no controle de SE. O procedimento mais indicado para o controle de SE na avicultura está na aquisição e produção de lotes livres do agente. As rações e matérias-primas de origem animal parecem não ser tão importantes na perpetuação do problema de SE, porém, os roedores parecem ser reservatórios ambientais importantes de SE em granjas contaminadas”, dizem os pesquisadores.

Leia artigo no original

Revista Brasileira de Ciência Avícola – vol. 4 – nº 2

Republicar