guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

Joelho biônico

Ossur

SENSORES CONTROLAM A FUNÇÃO MUSCULAR E O EQUILÍBIOOssur

Vítimas de acidentes ou doenças que tiveram uma ou as duas pernas amputadas acima do joelho já podem contar com uma avançada prótese desenvolvida pela Ossur, uma companhia com sede na Islândia, especializada em produtos ortopédicos não invasivos. Batizada de Power Knee, a prótese já está sendo usada por um primeiro paciente – um militar americano mutilado na guerra do Iraque – que relatou ter recuperado um andar totalmente normal. De acordo com um comunicado do fabricante, o “segredo” do aparelho está na incorporação de sensores e de um computador dotado de um programa de inteligência artificial que, juntos, restauram a função muscular perdida. Quando os sensores acusam que a prótese tocou no chão, o movimento em qualquer ângulo de flexão é liberado, conferindo mais segurança ao usuário. Os sensores também garantem que o conjunto de atuadores, que fazem o papel dos músculos humanos, seja acionado sempre na medida certa. A interação entre o paciente e o equipamento, por sua vez, é continuamente mediada pelo programa de inteligência artificial do artefato.

Republicar