guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Estratégias

Laboratórios num só endereço

A Argentina planeja criar um pólo de instituições de pesquisa para facilitar a colaboração e a discussão entre cientistas latino-americanos. Segundo a agência de notícias SciDev.Net, o governo argentino pretende reunir todas as suas instituições científicas, alguns institutos de pesquisa e de ensino superior, um museu de ciência e um centro de convenções num mesmo endereço no bairro de Palermo, em Buenos Aires. A área de 48 mil metros quadrados vai abrigar as sedes da Secretaria de Ciência e Tecnologia, o Conselho Nacional de Pesquisa Científica e Tecnológica (Conicet) e a Agência Nacional de Promoção Científica. Pelo menos outros três institutos devem ser transferidos para lá. Centros internacionais também serão convidados a tomar parte da iniciativa, estabelecendo seus laboratórios no complexo. Lino Barañao, presidente da Agência Nacional de Promoção Científica, disse que o Instituto Max Planck, da Alemanha, já confirmou interesse em integrar-se ao pólo. O orçamento para o projeto ainda não foi definido. As obras devem começar no ano que vem.

Republicar