Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Novos materiais

Metal com boa memória

P. MÜLLNER/UNIVERSIDADE BOISE STATE, D. DUNANT/UNIVERSIDADE NORTHWESTERN Metal espuma: estrutura que lembra bolhasP. MÜLLNER/UNIVERSIDADE BOISE STATE, D. DUNANT/UNIVERSIDADE NORTHWESTERN

O sonho de todo motorista em reverter facilmente pequenos amassados na lataria do carro pode estar próximo de se tornar realidade. Pesquisadores norte-americanos das universidades Northwestern e Boise State anunciaram um novo material metálico capaz de voltar à forma original depois de deformado. O retorno é feito com uma força física ou magnética. O metal, formado por uma liga de níquel, magnésio e gálio, é chamado de espuma porque sua estrutura possui pequenos buracos ou bolhas. A estrutura pode também ser alongada e esticada quando um campo magnético rotativo é aplicado. O material se mostra potencialmente importante para situações que exigem deformação e baixo peso como a indústria automobilística e nas aplicações espaciais. Lideradas pelos pesquisadores Peter Mullner e David Dunant, as equipes acreditam que é possível fazer mais com menos material de ligas espumosas e com isso promover um desenvolvimento sustentável de novos materiais.

Republicar