Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

COVID-19

O efeito protetor das máscaras

Homens jogam xadrez na cidade de Sonargaon, em Bangladesh, em novembro de 2020

Nishat Thechotobhai / Pexels

O uso disseminado e correto da máscara reduz a transmissão do novo coronavírus e os casos de Covid-19, mostra o maior estudo já realizado sobre o assunto. Experimentos em laboratório já haviam mostrado que as máscaras reduzem a liberação de vírus para o ar e a probabilidade de transmissão, mas faltavam dados da eficácia em condições de vida real. Para obter essa informação, pesquisadores dos Estados Unidos, da Austrália e de Bangladesh submeteram 342.126 moradores de 600 vilarejos do país asiático a um experimento entre novembro de 2020 e abril de 2021: pouco mais da metade (178.288 pessoas) recebeu máscaras e informações sobre a importância de seu uso e o modo correto de utilizá-las. Por oito semanas, esses indivíduos também foram incentivados por líderes locais a adotar a proteção e receberam lembretes pessoais para usá-la. Os outros 163.838 participantes (grupo de controle) foram apenas acompanhados. No primeiro grupo, 42,3% das pessoas usaram máscaras. No grupo de controle, só 13,3%, segundo o estudo, submetido para publicação em uma revista científica. A intervenção reduziu em 9,3% os casos sintomáticos na população geral. A queda foi ainda maior (35%) entre as pessoas com mais de 65 anos e maior risco de morrer.

Republicar