guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

O mais antigo deus andino

Arqueólogos no norte do Peru encontraram um fragmento de cabaça de cerca de 4 mil anos gravado com uma imagem do deus dos báculos, também conhecido como Viracocha, principal divindade da América do Sul durante milhares de anos. “Parece ser o ícone religioso mais antigo já encontrado nas Américas”, diz Jonathan Hass, especialista em antropologia da The Field Museum, dos Estados Unidos, e um dos autores do artigo relatando a descoberta na edição de maio-junho da revista Archaeology.

“E isso sugere a existência de uma religião organizada nos Andes pelo menos mil anos antes do que havíamos pensado.” O fragmento foi localizado nas ruínas de um cemitério, a mais de 300 quilômetros de Lima, na região conhecida como Norte Chico – que teria sido bastante habitada, entre 2600 a.C. e 2000 a.C., por povos andinos que, 3.500 anos mais tarde, dariam origem aos incas. Datada por radiocarbono como sendo de 2250 a.C., a peça traz uma representação entalhada e pintada do deus dos báculos.

Apesar dos traços simplificados do estilo arcaico em que foi feita, podem-se ver claramente os dentes à mostra, os pés separados, o báculo na mão direita e a cabeça de serpente em que termina a mão esquerda – motivos clássicos que marcaram a representação da divindidade ao longo da história da cultura andina.

Republicar