guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

O sagrado sono dos adolescentes

Rapazes e moças estão dormindo menos do que necessitam. De acordo com especialistas do laboratório do sono Wits Dial-a-Bed Sleep, na África do Sul, seria normal o adolescente dormir até tarde, pois sente sono mais tarde e tende a protelar a hora de ir dormir. Mandá-lo para a cama cedo ou despertá-lo cedo demais de manhã seria uma violação de seu relógio biológico. Recentemente, escolas dos Estados Unidos e de Israel adaptaram seus horários a essa característica e aumentaram o aproveitamento escolar.

Em contrapartida, os jovens sul-africanos dormem em média 7 horas e meia por noite – consideradas insuficientes – e sentem sono na escola, o que estaria prejudicando o desempenho escolar. Uma pesquisa publicada na Sleep mostrou que os alunos de 11 a 15 anos que dormem mais vão melhor, faltam menos e sentem-se mais dispostos na escola que os que dormem menos.

Republicar