Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Química

Os Lavoisier transformados

Retrato de Antoine-Laurant Lavoisier e sua esposa, de 1788, e o projeto inicial (à dir.)

Museu de Arte Metropolitan e Centeno, S. A. et al. Heritage Science. 2021

Usando técnicas de imagem que revelam camadas ocultas de pinturas em quadros antigos, a pesquisadora Silvia Centeno e seus colaboradores do Museu de Arte Metropolitan, em Nova York, Estados Unidos, descobriram diferenças importantes na composição original do retrato icônico do cientista francês Antoine Lavoisier (1743-1794) com sua esposa, pintado por Jacques-Louis David (1748-1825). A análise revelou que os instrumentos científicos sobre a mesa em destaque na obra acabada não constavam no plano original desenhado a carvão sobre tela (Heritage Science, 30 de agosto). O fato sugere que Lavoisier não posou para David enquanto arrumava os equipamentos que usou no desenvolvimento da química moderna no século XVIII, mas provavelmente enquanto se ocupava do trabalho de coletor de impostos para o rei Luís XVI. Na primeira versão, Marie-Anne Pierrette Paulze-Lavoisier (1758-1836) usava um chapéu luxuoso. Os pesquisadores cogitam que as modificações foram realizadas pelo pintor na tentativa de salvar a reputação do casal, alvo dos revolucionários jacobinos.

Republicar