Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

Peste resiste a antibióticos

Sete anos depois de ter isolado os primeiros bacilos da peste (Yersinia pestis) resistentes a antibióticos, uma equipe do Instituto Pasteur em Paris e em Madagáscar descobriu que é no mosquito transmissor que essas bactérias adquirem de outras bactérias os genes de resistência aos medicamentos mais usados contra elas (estreptomicina, cloranfenicol e tetraciclinas). A descoberta, publicada na Molecular Microbiology, torna ainda mais difícil o combate a uma das bactérias mais patogênicas ao ser humano e, na visão dos cientistas, reforça a necessidade de busca de novos tratamentos.

Transmistida pelos humanos por meio das picadas de insetos (entre eles, Xenopsylla cheopis, Nosopsylla fasciatus e Pulex irritans) ou mordidas de roedores contaminados, a praga é uma doença reemergente. Há relatos de casos em mais de 20 países, sobretudo na África e na Ásia. Na Idade Média, milhões de pessoas morreram de peste na Europa, quando as casas e ruas estavam infestadas de ratos.

Republicar