Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Prêmio Finep 2007

Premiados da inovação

MIGUEL BOYAYAN Nanox utiliza nanotecnologia na superfície de materiais metálicosMIGUEL BOYAYAN

A empresa Nanox Tecnologia, de São Carlos, foi a vencedora na categoria Pequena Empresa da edição 2007 do Prêmio Finep (Financiadora de Estudos e Projetos) de Inovação. Utilizando processos e produtos gerados pela nanotecnologia, os sócios da Nanox desenvolveram uma espécie de tinta cerâmica nanoestruturada que atua como bactericida e é capaz de ser usada em instrumentos cirúrgicos, secadores de cabelo e cubas que armazenam água, por exemplo. A Nanox nasceu no Instituto de Química da Universidade Estadual Paulista (Unesp) em Araraquara e teve apoio do Centro Multidisciplinar para o Desenvolvimento de Materiais Cerâmicos (ver Pesquisa FAPESP nº 121, quando a empresa ainda tinha o nome de Science Solution). Na categoria Média-Grande Empresa, a vencedora foi a Cristália, com sede em Itapira, no interior paulista, pelo desenvolvimento e investimento em novos medicamentos com origem na pesquisa científica brasileira. Na categoria Produto, ganhou o Phenom 100, jatinho executivo da Embraer (ver Pesquisa FAPESP nº 138). O prêmio de Processo foi para a Companhia de Saneamento do Paraná (Sanepar) por um sistema de esgoto que, depois de tratado, é utilizado como adubo para culturas de milho, soja e trigo. A Cooperativa dos Floricultores do Estado da Paraíba ganhou na categoria Inovação Social por incentivar ex-bóias-frias a produzir crisântemos. Na categoria Instituição de Ciência e Tecnologia, a vencedora foi a unidade Embrapa Transferência de Tecnologia, da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa) em Brasília, pela atuação no desenvolvimento e licenciamento de cultivares.

Republicar