guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republish

Mundo

Previsões censuradas

O Departamento de Ciência e Tecnologia da Índia decidiu que apenas uma de suas agências, o Departamento Meteorológico, tem autoridade para divulgar previsões anuais sobre as monções, estação de chuvas torrenciais que vai de junho a setembro. O alvo da decisão é o Centre for Mathematical Modelling and Computer Simulation (CMMACS), vinculado ao Conselho de Pesquisa Científica e Industrial, que foi proibido de divulgar as previsões que realiza a cada ano. O motivo da discórdia é a divergência entre os prognósticos do CMMACS e os oficiais, o que estaria causando “confusão” na opinião pública,  segundo o governo. As discrepâncias são naturais, uma vez que os dois órgãos valem-se de metodologias diferentes. A CCMACS utiliza redes neurais, em oposição à abordagem estatística do Departamento Meteorológico. Tais descompassos, comuns em previsões climáticas, costumam ajudar pesquisadores a aperfeiçoar os modelos e alcançar prognósticos mais fidedignos. “A Índia resolveu a divergência calando uma das instituições de pesquisa”, diz R. Ramachandran, editor de ciência da revista Frontline. Curiosamente, as previsões do Departamento Meteorológico têm alto índice de erro, em torno de 65%. Se o CCMACS quiser fazer suas previsões, terá de guardar os resultados para si. (The Hindu, 5 de julho)

Republish