Guia Covid-19
Imprimir PDF Republicar

Square Kilometer Array

Solução salomônica

SPDO / Swinburne Astronomy ProductionsRepresentação gráfica das antenas do radiotelescópio SKA: empate técnico entre África do Sul e AustráliaSPDO / Swinburne Astronomy Productions

Terminou em empate técnico a disputa entre a África do Sul e uma parceria da Austrália com a Nova Zelândia para sediar o maior radiotelescópio do mundo, o Square Kilometer Array (SKA). Composto de uma floresta de 3 mil antenas parabólicas de 15 metros de largura, o projeto científico internacional busca, a partir de 2024, captar sinais de rádio, até mesmo os mais fracos, do espaço profundo. Em março, depois de considerar os méritos das duas propostas, um painel consultivo do projeto considerou que a África do Sul oferecia oportunidades ligeiramente melhores do que as dos rivais australianos e neozelandeses. A pressão de lobbies dos dois lados foi tão intensa que o conselho de administração do SKA decidiu convocar um novo painel científico para determinar se as antenas não poderiam, afinal, distribuir-se entre os dois locais propostos. O britânico John Womersley, chefe do conselho de administração do SKA, diz que a solução salomônica pode resolver a batalha. “Astrônomos respeitáveis me disseram que a solução é possível”, disse Womersley à revista Nature. O novo painel deve dar seu veredicto neste mês.

Republicar