guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Tecnociência

Tela luminosa e flexível

Um novo tipo de LED (sigla em inglês para diodos emissores de luz), minúsculo e inorgânico, desenvolvido por cientistas da Universidade de Illinois, nos Estados Unidos, pode levar ao desenvolvimento de telas luminosas superfinas e flexíveis com múltiplas aplicações, como painéis que acompanham os contornos de um ônibus ou tomógrafos capazes de serem enrolados no corpo de um paciente como se fosse um cobertor. A nova tecnologia emprega um processo conhecido como crescimento epitaxial e é capaz de gerar LEDs até 100 vezes menores do que os fabricados atualmente. A equipe, liderada pelo pesquisador John Rogers, usou uma tecnologia especial de carimbo para depositar e montar os inúmeros LEDs inorgânicos em superfícies de vidro, plástico ou mesmo borracha.

Republicar