guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

mundo

Ucla e IBM lideram patentes

Os Estados Unidos detêm o maior número de registro de patentes entre todos os países. A tradição de patentear pode ser verificada no número de patentes registradas todo ano por empresas e universidades. Em 2003, não foi diferente. A Universidade da Califórnia (Ucla), pelo décimo ano consecutivo, lidera o ranking das instituições de ensino superior que mais obtiveram patentes no ano passado, segundo o Departamento de Comércio, Patentes e Marcas Registradas dos Estados Unidos (que possui a sigla Uspto, em inglês). No total, a universidade patenteou 439 experimentos (foram 431 em 2002). Em segundo lugar, com número bem menor, está o Instituto de Tecnologia da Califórnia, com 139 patentes (110 em 2002). Na terceira posição, o Instituto de Tecnologia de Massachusetts (MIT), com 127 patentes (135 em 2002). Em quarto ficou a Universidade do Texas com 96 (93 em 2002) e em quinto a Universidade de Stanford, 85 patentes em 2003 e 104 em 2002. Entre as empresas que obtiveram mais registros de patentes, a líder pelo 11º ano consecutivo foi a IBM, que depositou 3.415, seguida da Canon Kabushiki Kaisha, 1.992, Hitachi, 1.893, Matsushita Electric Industrial, 1.786, e Hewlett-Packard (1.759).

Republicar