guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republish

Mundo

Veredas livres para os elefantes

Uma população de 130 mil elefantes africanos vai recuperar um antigo corredor migratório que corta países como Angola, Zâmbia e Botsuana. Duas entidades norte-americanas, a Roots of Peace (RoP) e a Conservation International, patrocinam a retirada de minas terrestres numa região de 1.500 quilômetros quadrados no sudeste de Angola. As minas foram instaladas durante a guerra civil angolana e criaram uma barreira mortal para a população. Ao mesmo tempo, os elefantes que habitam o norte de Botsuana foram impedidos de voltar a tradicionais áreas de caça em Angola e Zâmbia. A RoP vai contratar empresas especializadas em retirada de minas, com financiamento do Departamento de Estado norte-americano. O Conservation International vai criar programas de exploração sustentável, para garantir renda aos angolanos e um ambiente saudável para os elefantes. (Eurekalert, 5 de julho)

Republish