guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Estratégias

A permanência do peer review

O Reino Unido afinou a metodologia do Research Excellence Framework (REF), novo sistema de avaliação da pesquisa que definirá a distribuição de verbas para as universidades a partir de 2015. A proposta inicial consistia em adotar indicadores bibliométricos, como citações de artigos, como critério principal de avaliação, em substituição à trabalhosa revisão por pares (peer review), que marcou as avaliações anteriores (ver Pesquisa FAPESP nº 156). A ideia foi bombardeada por instituições acadêmicas, como a Royal Society, e acabou reformulada. De acordo com o Higher Education Funding Council for England (Hefce), órgão responsável pela avaliação, a revisão por pares permanecerá, mas os avaliadores poderão utilizar critérios bibliométricos complementarmente, desde que os dados disponíveis sejam considerados robustos o bastante. Segundo a revista Nature, uma novidade da avaliação é que ela levará em conta o impacto social e econômico da produção científica. As universidades terão de apresentar estudos de caso com exemplos de benefícios sociais obtidos por suas pesquisas.

Republicar