guia do novo coronavirus
Imprimir PDF Republicar

Arqueologia

Neandertais desmamavam aos 6 meses

Dentes de neandertais: amamentação semelhante à de humanos

Stefano Benazzi

Os neandertais (Homo neanderthalensis), hominídeo aparentado dos humanos modernos (sapiens), desapareceram há cerca de 30 mil anos. Por algum tempo seu fim foi atribuído à duração da amamentação da prole, que seria mais longo do que a do H. sapiens e teria levado à redução gradual de suas populações. Novas evidências sugerem, porém, que a idade de desmame e a taxa de crescimento dos neandertais recém-nascidos eram semelhantes às dos humanos modernos. O grupo de Stefano Benazzi, da Universidade de Bolonha, na Itália, chegou a essa conclusão ao analisar dentes de leite de crianças neandertais achados em sítios arqueológicos no nordeste da Itália. Os pesquisadores examinaram as linhas de crescimento que se formam nos dentes ao longo do desenvolvimento e verificaram que os bebês começavam a ingerir alimentos sólidos com cerca de 6 meses de idade (PNAS, 21 de setembro). Os achados sugerem que neandertais e humanos modernos compartilhavam das mesmas restrições metabólicas, o que, por sua vez, exigia uma nutrição adicional para apoiar o cérebro em desenvolvimento.

Republicar