Imprimir PDF

Saúde

Ar dos asmáticos

GEORGIA TECH RESEARCH INSTITUTE Portátil, aparelho mede parâmetros do arGEORGIA TECH RESEARCH INSTITUTE

Indivíduos que sofrem de asma ganharão, em breve, um novo aliado contra a doença. Pesquisadores do Instituto de Tecnologia da Geórgia (GTRI), nos Estados Unidos, inventaram um aparelhinho que monitora continuamente o ar em torno de pessoas suscetíveis a ataques de asma. O equipamento cabe no bolso de um colete e poderá ajudar os médicos a entender os fatores ambientais por trás dos ataques. O sensor mede sete parâmetros relacionados às condições do ar: concentração de formaldeído, dióxido de carbono, ozônio e dióxido de nitrogênio, temperatura, umidade relativa e presença de compostos orgânicos voláteis totais (VOCs). Esses últimos são emitidos como gases de diversos produtos, tais como tintas, pesticidas e produtos de limpeza, entre outros. Além de detectar essas variantes, o sensor também é dotado de um filtro capaz de coletar partículas do ar para serem analisadas em laboratório. O aparelho pesa cerca de 400 gramas, incluindo as baterias, e faz medidas a cada dois minutos. Os dados são armazenados na memória. O próximo passo da equipe será desenvolver aparelhos ainda menores e com sensores mais sensíveis e, com eles, realizar estudos populacionais para entender as causas ambientais das crises de asma.

Republicar