Imprimir PDF

Fundação

Ronaldo Pilli é o novo conselheiro da FAPESP

ReproduçãoProfessor do Instituto de Química da Universidade Estadual de Campinas (IQ-Unicamp) e pró-reitor de Pesquisa da instituição entre 2009 e 2013, Ronaldo Aloise Pilli, de 63 anos, foi nomeado para o Conselho Superior da FAPESP pelo governador de São Paulo. O mandato é de seis anos. O novo conselheiro foi o mais votado em uma eleição da qual participaram representantes das instituições de ensino superior e pesquisa do estado, realizada entre 11 e 15 de junho. Seu nome encabeçava uma lista tríplice encaminhada ao governador pelo Conselho Superior da FAPESP, da qual também constavam os médicos e pesquisadores Arnaldo Lopes Colombo, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), e Dimas Tadeu Covas, diretor do Instituto Butantan. Especialista em química orgânica, com ênfase na síntese de fármacos e de produtos naturais, Pilli foi responsável por 14 solicitações de patentes. É professor titular do IQ desde 2000.

Republicar